sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Relato de Viagem: Alvinópolis

Por Maíza Gomes

No dia 08 de Agosto de 2012, fizemos uma viagem à cidade de Alvinópolis para visitar uma fábrica de tecidos chamada Fábrica Mascarenhas. Saímos da escola às 7h 40. No meio da estrada fomos parados em uma blitz onde foram cobrados da professora Maria Kleire os documentos de todos os alunos que estavam no carro e ainda acabamos tendo que seguir por uma outra estrada, pois onde a professora tinha costume de passar estava interditada e isso acabou resultando em um pequeno atraso.

Ao chegarmos na fábrica ficamos esperando no portão a chegada de dois funcionários que nos acompanharam durante toda a visita. Daí fomos divididas em dois grupos, um com a nossa diretora Kele e com um dos guias da fábrica, enquanto o outro ficou com Maria Kleire e o outro guia. Então cada grupo acompanhado pelo seu guia foi conhecer cada parte da fábrica.

Conhecemos os lugares onde ficam armazenados os algodões colhidos, o lugar onde eles guardam os tecidos prontos e visitamos o lugar mais importante da fábrica onde estavam as máquinas que faziam todo o processo de transformação do algodão no tecido.

Depois de conhecer a fábrica toda, fomos lanchar. A cantineira nos serviu pão com mussarela e presunto e nos deram sucos de sabores diferentes e saudáveis. Terminado o lanche, fomos para a compra dos tecidos necessários para os travesseiros que iremos fazer dentro de um projeto de empreendedorismo da nossa escola. A professora deu a cada um de nós a oportunidade de ajudá-la na escolha do tecido que achássemos o mais bonito.

Após comprarmos todos os tecidos fomos para o carro e lanchamos novamente, mas com os lanches oferecidos pela escola. Tinha bananas, mexericas, pão com queijo e suco de manga. O passeio continuou e fomos conhecer o único cemitério cercado de bambu do Brasil, que quando visto de cima, com avião ou helicóptero, apresenta o formato de uma coroa.

Após visitarmos o cemitério deixamos a cidade de Alvinópolis rumo à nossa cidade (Itabira). Passamos por Rio Piracicaba, João Monlevade, Bela Vista de Minas e Nova Era, depois pegamos a MG-Itabira-Nova Era e seguimos nossa viagem que, graças a Deus, terminou tudo bem.






Nenhum comentário:

Postar um comentário